Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Manuel Serrão
FC PORTO
«Posso dizer o que quiser porque não é Pinto da Costa quem me paga» - Manuel Serrão
 
Alegadamente visado por Pinto da Costa na Assembleia Geral do FC Porto, Manuel Serrão diz ser livre para opinar sobre a gestão do clube do qual é adepto e sócio minoritário.

«Tenho de fazer uma ressalva porque não conheço os comentários que terão sido feitos pelo meu amigo de infância, como ele já se afirmou um dia. Ele tem todo o direito de fazer os comentários que quiser, como eu também tenho. Posso comentar que a gestão do FC Porto nos últimos três anos não tem sido famosa», afirmou em declarações à TSF, esclarecendo que as apreciações públicas sobre a atualidade azul e branca não são feitas em representação do clube:

«Enquanto sócio e acionista minoritário posso criticar e pedir contas, porque está a gastar um dinheiro que, numa pequeníssima parte, também é meu. Ao contrário, ele pode comentar mas não pode pedir contas, porque não é ele nem o clube que me pagam. Quem é pago para trabalhar pelo FC Porto é o presidente e os restantes acionistas.»

Reconhecendo o «palmarés invejável» de Pinto da Costa «até aos últimos três», salientou Manuel Serrão que algo terá de mudar no reino do dragão.

«Em termos de saúde, segundo o próprio tornou público, fez uma bateria de exames e está em perfeitas condições. É uma boa notícia e que eu saúdo. Acho que ele tem condições [n.d.r. para continuar como presidente do clube] e quem achar que é capaz de fazer um mandato melhor do que Pinto da Costa, deve apresentar-se nas eleições e depois os sócios julgarão», observou, deixando, contudo, o alerta:

«Os próximos três anos não podem ser como os últimos três.»

Autoria e outros dados (tags, etc)







Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D